Conto: Toca das Fadas, de Clara Madrigano.

Mês passado recebi um e-mail da Draco, disponibilizando alguns contos para download e leitura. Baixei todos e só falta ler um. Dos que li até então, o que mais gostei foi “A toca das fadas”, da autora Clara Madrigano.

Monstros infestam minha imaginação. Eu os enxergo até nas figuras mais inofensivas: uma fada, por exemplo. Garotas se fantasiam de fadas e fadas concedem desejos e guiam princesas a seus príncipes. Supostamente. Mas fadas também podem ser gananciosas; podem levar seus dentes embora, ou seus cabelos, ou o que quer que queiram. Fadas podem iludir criancinhas e levá-las para o outro lado. O changeling: a famosa lenda do bebê que é substituído pela cria de uma fada. Existe um potencial amedrontador em criaturas que podem parecer meigas, porque é de onde menos se espera ameaça.

A figura das fadas, para mim, sempre foi um pouco sinistra. Não sei explicar a razão, talvez a magia, o mistério que parecem esconder, aqueles rostos pequenos. Sempre imagino algo mais ou menos do tamanho dos diabretes, de Harry Potter, uma figura mais bagunceira, com suas travessuras, etc.  Sei lá. Penso que esta foi a razão de o conto da Clara ter sido o meu favorito dentre os outros que recebi.

Tadinho do Neville hahahh

A história narra dois irmãos que, em um dia comum de brincadeiras, descobrem o covil das fadas. Apenas Jack – o irmão – é quem diz já ter visto uma fada, e a descreve desta forma:

“Pequena, como um gafanhoto, mas não era um, era azul e tinha uma cabeça de gente. E asas que eram assim, asas como as de uma borboleta, mas maiores, mais feias.”

Jack sugere que busquem um pote de mel que, segundo ele, é a comida favorita das fadas, fazendo, assim, com que elas se aproximem e que eles se tornem os únicos garotos com uma fada. Obviamente, essa ideia não foi uma das melhores, e Jack desaparece.

Gostei muito desse conto, o clima de tensão está presente do começo ao fim e é fácil imaginar esta história e um curta-metragem. É bem curtinho, mas não sei dizer ao certo quantas páginas, pois li no Kindle e varia muito dependendo da fonte que a pessoa usar. Eu uso o segundo tamanho, e nele, contei seis páginas.

Caso você se interesse por conhecê-lo, clique aqui.

Achei uma fofura a capa do conto ser uma folha, não havia reparado pois no kindle é tudo em preto e branco.

A toca das fadas - Clara Madrigano

Gostei muito da escrita da Clara Madrigano e sem dúvidas vou buscar mais obras dessa escritora! 😀

Até mais!

Anúncios

3 comentários em “Conto: Toca das Fadas, de Clara Madrigano.

Vamos conversar :D

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s