Contos clássicos de vampiro, de Byron, Stoker e outros – Desafio Halloween Literário 2015 🎃👻

Olá 😀

A terceira leitura do Desafio Halloween Literário 2015 tem como tema”Os Clássicos Assombrados”, e a minha escolha foi o livro Contos clássicos de vampiro – Byron, Stoker e outros.

Contos clássicos de vampiro.

“O livro reúne os primeiros e os mais importantes textos sobre a clássica figura do vampiro – esse mito surgido do caldeirão cultural, étnico e religioso do Leste Europeu, que há séculos fascina a cultura ocidental.

Entre seus autores, nomes como Lord Byron, Bram Stoker, Theóphile Gautier, Samuel Taylor Coleridge, Filóstrato, John Polidori, Francis Marion Crawford, F.G. Loring, Heinrich August Ossenfeld e Gottfried August Bürger.

Abrangendo um século de histórias de vampiros, o volume traz desde um fragmento de um romance de Byron até o inédito A tumba de Sarah, de F.G. Loring, passando por um capítulo do Drácula de Bram Stoker que foi suprimido da publicação final.

O apêndice reúne algumas das mais instigantes criações literárias sobre o tema, como um fragmento do grego Filóstrato, e poemas de Ossenfelder, Bürger, Goethe e Coleridge.” (fonte: editora Hedra)

O livro conta com sete contos e cinco poemas, antes de cada um deles há uma breve introdução contextualizando o poema/conto e falando um pouquinho do autor.

Alguns contos eu considerei a leitura extremamente agradável, outros não gostei tanto e queria acabar logo. Para os fãs de Drácula de Bram Stoker, como eu, é legal conhecer o conto O Hóspede de Drácula, que segundo a esposa do autor, Florence Stoker, seria o capítulo introdutório do livro, mas foi eliminado pelos editores devido a extensão. Quanto aos poemas, foi uma experiência interessantíssima, pois nunca havia lido poemas sobre vampiros antes.

Algo que não gostei foi o fato de que em várias partes do livro haviam errinhos que suponho que sejam de digitação. Fazer o que, sou chata.

No geral, achei que a leitura como um todo seria mais prazerosa do que foi, e com isso não digo de forma alguma que o livro é ruim! Talvez eu não devesse ter lido os contos um atrás do outro, não costumo fazer isso com coletâneas de contos.

Alguém já leu? O que acharam?

Até mais!

Anúncios

14 comentários em “Contos clássicos de vampiro, de Byron, Stoker e outros – Desafio Halloween Literário 2015 🎃👻

  1. Como sempre digo o medo é relativo e isso essa diferença é maior ainda entre gerações, muitos dos livros e contos clássicos de terror de meados dos sécs XVII e XIX estão esquecidos porque dialogam com outro tipo de publico, ou seja não conseguem mais causar medo nos leitores. Eu li dezenas de antologias com contos clássicos de vampiros então afirmo com propriedade rs, os contos que se salvam de ficar datados são aqueles mais fluídos e com uma narrativa mais popular, porém tudo depende da tradução, se ela for péssima a experiencia do leitor também o será.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Com certeza a tradução influencia muito na experiência de leitura, e a tua observação acerca da época é extremamente válida, afinal, hoje em dia a temática já foi muito explorada.
      Desse livro, quais os seus contos favoritos?

      Curtir

      1. Não dê espaço para eu falar ou senão sairá textão haha Na verdade acho que nem é questão do tema estar batido, na realidade me impressiona muito a capacidade humana de reimaginar estórias e criar novas a partir das experiencias com as mesmas. Falo que atinge uma outra geração porque os costumes eram diferentes. O vampiro antigo era mais sofisticado, senhores em castelos e tudo mais, hoje em dia o vampiro apesar de seu carater sedutor muitas vezes é aquele cara normal que não tem nenhum atrativo a não ser o fato da dita eternidade. Se for pensar bem aposto que qualquer livros produzido hoje faria tanto sucesso assim na época, talvez deixasse as pessoas chocadas com algumas colocações. Não é preciso voltar muito no tempo para sentir esse efeito, vejamos hoje em dia por exemplo, Annabelle, a boneca que sem se mexer em um filme de duas horas e mesmo assim assusta os jovens da atualidade, a geração que cresceu com um estereótipo diferente como o Chucky por exemplo odiou o filme, mas quem gostou de Annabelle certamente acha Chucky ultrapassado entende meu ponto? Hahaha esse livro em questão ainda não li, mas adoro contos clássicos como o Hóspede do Drácula do Stoker, Carmilla do Sheridan Le Fanu, etc… Se quiser uma indicação de leitura interessante procura Anno Drácula do Kim Newman, ele basicamente imaginou um mundo onde Drácula ganhou do Hellsing e se tornou consorte da Rainha da Inglaterra. O legal é que todos os vampiros da literatura clássica e moderna fazem uma aparição na narrativa, desde o de Polidori até o do King! É sensacional!

        Curtir

      2. Entendo sim o seu ponto!
        O que eu quis dizer não é exatamente que a temática está batida, mas que atualmente existem recursos que antes não existiam, sabe? Eu, particularmente, gosto mais do vampiro elegante, inteligente. Sem dúvidas o que temos atualmente chocaria gerações passadas.
        A tua colocação a respeito de Chucky e Anabelle é mais ou menos o que eu senti com American Horror Story: Freak Show. As pessoas amaram, e pra mim foi uma decepção pois é uma cópia do filme Freaks de 1932.
        Ah, o Hospede do Dracula é um dos contos desse livro! E não me importo com textão hahahaha é sempre interessante conhecer o ponto de vista de outras pessoas!

        Curtir

  2. Oi Barbara!
    Historias que envolvem o sobrenatural geralmente fazem o maior sucesso! Eu amo os vampiros, de maneira particular, rendem sempre muito mistério, sangue e suspense!
    😉
    Beijinhos

    Curtir

Vamos conversar :D

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s